quarta-feira, 20 de julho de 2011

numa altura em que sou toda sorrisos só consigo juntar histórias destas no meu casulo. dos textos mais bonitos ditos pelo senhor mais bonito de todos. percam estes sete minutos que são açucar derretido. o valter outra vez.

2 comentários:

Vicious disse...

Foi um lindo momento este, sem dúvida!

rosa disse...

foi mesmo! bom, bom, bom.

Manuel Resende

Manuel Resende, Em Qualquer Lugar seguido de O Pranto de Barlomeu de Las Casas , &Etc, 1997